quem faz o programa acontecer

Só será possível uma nova visão para a área de museus com cultura digital e atuação social se caminharmos em rede. A missão do HiperMuseus é conectar. E, juntos, inovaremos! A rede está só começando. Vamos juntos? Curadores, mentores, palestrantes, instituições realizadoras, organizações parceiras e patrocinadoras e participantes dos laboratórios. Todos. Todos nós fazemos parte do propósito do HiperMuseus! Veja aqui quem somos nós!

Mariana Várzea e Lucimara Letelier assinam a curadoria do HiperMuseus, com coordenação de conteúdos programáticos, seleção de parceiros de rede, e a idealização e realização do programa pela Inspirações Ilimitadas e Museu Vivo.
Conheça quem faz o programa acontecer
curadoras
Mariana Varzea
Diretora
Inspirações Ilimitadas


Diretora da Inspirações Ilimitadas Projetos Culturais, empresa especializada em planejamento, gestão e financiamento das instituições culturais, idealizadora e realizadora do HiperMuseus, ao lado do Museu Vivo. Atua há 25 anos no setor cultural, exerceu distintos cargos públicos, privados e em organismos do terceiro setor, sempre convergindo as áreas de cultura, museus, educação, economia da cultura, economia criativa e sustentabilidade. É coordenadora do MBA de Produção Cultural da Cândido Mendes, membra do Comitê Brasileiro do InstitutoInternacional de Museus (ICOM). É museóloga, mestre em História Social e doutoranda em Museologia pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (ULHT – Lisboa).
Lucimara Letelier
Diretora
Museu Vivo


Diretora do Museu Vivo, consultoria de inovação e sustentabilidade econômica em museus e cultura, idealizadora e realizadora do HiperMuseus ao lado da Inspirações Ilimitadas. Atua em rede, com planejamento estratégico, curadoria de seminários e festivais, laboratórios, conteúdos on-line e capacitação. Realizou projetos com mais de 30 organizações, como Museu da Língua Portuguesa, Museu da Imigração, Museu Villa Lobos, Oi Futuro, Museu do Amanhã, MAR e BNDES. Atua há 20 anos em gestão cultural, social e museus. É mestre em Administração Cultural pela Boston University, foi diretora/gerente do British Council, da ActionAid e da Fundação Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB). Curadora do festival ColaborAmerica,professora MBA de Gestão de Museus. Gaia Education/Unesco Change Maker: Design para Sustentabilidade. Conselheira ICOM, ActionAid e ABGC.
palestrantes
Martijn Pronk
Diretor de Comunicação Digital
Van Gogh Museum


Martijn Pronk é diretor de comunicação digital do Museu Van Gogh, em Amsterdã. Com sua equipe, Martijn está alcançando milhões de fãs de Vincent van Gogh em todo o mundo, através do site do museu e das mídias sociais. A comunicação digital é um instrumento essencial para conectar e envolver todos aqueles que não podem visitar o museu e prestar serviços àqueles que podem. Antes de vir para o Museu Van Gogh, Martijn foi chefe de Digital e Publishing no Rijksmuseum em Amsterdã, onde foi responsável pelo projeto Rijksstudio. Martijn é membro do Conselho de Administração da Fundação Europeana e do Conselho Consultivo de We Are Museums. Ele é consultor digital da Biblioteca Nacional de Israel.
Bruna Cruz
Coordenadora Museu das Telecomunicações
Oi Futuro


Bruna Cruz é bacharel em Museologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UNIRIO. Atualmente coordena o Museu de Telecomunicações Oi Futuro. Nesta função, ela tem a oportunidade de explorar e empregar novas tecnologias de infraestrutura digital. Ela tem se envolvido profundamente com o público para entender melhor como a tecnologia vem moldando as expectativas, demandas, necessidades e mudanças de comportamento de seus usuários em potencial.  
Luis Marcelo Mendes
Consultor Independente
Cultivia
Mediador


Luis Marcelo Mendes é consultor, jornalista e gestor de design e comunicação. Atua há mais de 20 anos junto a empresas públicas e privadas no desenvolvimento de projetos de comunicação e branding, mídias digitais, editoriais, exposições e ações promocionais. Organizador do livro Reprograme, reunindo artigos, entrevistas e palestras de autores brasileiros e internacionais sobre branding, comunicação e relacionamento numa nova era de museus. Teve trabalhos selecionados e premiado em diversos festivais internacionais. Realizou palestras sobre design e tecnologia. Foi gerente executivo do projeto do Museu da Moda do Estado do Rio de Janeiro e curador do evento Museus e Cidades Criativas: Inovação, Conexão e Cultura. Trabalhou na Fundação Roberto Marinho como Consultor de Comunicação dos projetos do Museu da Imagem e do Som, do Museu do Amanhã, Casa da Cultura de Paraty e Paço do Frevo.
Sérgio Branco
Cofundador e Diretor
Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS Rio)


Sergio Branco é cofundador e diretor do Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS Rio). Doutor e Mestre em Direito Civil pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Professor convidado da Universidade de Montréal. Autor dos livros "Memória e Esquecimento na Internet", “Direitos Autorais na Internet e o Uso de Obras Alheias”, “O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro – Uma Obra em Domínio Público” e “O que é Creative Commons – Novos Modelos de Direito Autoral em um Mundo Mais Criativo”. Especialista em propriedade intelectual pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio. Pós-graduado em cinema documentário pela FGV. Graduado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Advogado.
José Murilo Costa Carvalho
IBRAM

Especialista em políticas públicas voltadas para a tecnologia digital e a internet. Desenvolveu os primeiros websites institucionais do governo brasileiro no Min. Administração Federal e Reforma do Estado (1997-99), trabalhou com Informação e Difusão Científica na Web no Min. da Ciência e Tecnologia (1999-2003), e com Informações Estratégicas e Cultura Digital no Min. da Cultura (2003-2016).Hoje coordena e Arquitetura da Informação Museal no Instituto Brasileiro de Museus (2016-), onde desenvolve a implementação do Projeto Tainacan, para acervos culturais digitalizados. Coordenou osprojetos CTJovem (2001-2003) e CulturaDigital.br (2009-2016), e participou da concepção do projeto Mapas Culturais. Como blogueiro da ecologia digital, atuou como editor de lusofonia do projeto Global Voices Online (2006-2009), do Berkman Center da Universidade de Harvard. Promove a reflexão do ambiente digital como ecossistema, na rede Ecologia Digital.
Enrica Duncan
Diretora de Projetos
Nossas


Enrica Duncan é a Diretora de Projetos do Nossas, um laboratório liderado por mulheres para engajamento cívico e ativismo na América Latina, que desenvolve metodologia e tecnologia para equipar os jovens cidadãos para impactarem a formulação de políticas. Como um laboratório, o Nossas projetou, desenvolveu e mantém projetos sobre demandas sociais desde 2011. Esses projetos mobilizaram mais de 1.000.000 de pessoas, usando uma grande variedade de táticas personalizadas e construídas internamente. Enrica lidera as equipes compostas por profissionais multidisciplinares nos projetos "Mapa do Acolhimento", "Ninguém Fica pra Trás" e “Bonde” testando diariamente tecnologia para causas sociais. Enrica é formada em Ciências Políticas pela New School e trabalhou e viveu em países como Japão, África do Sul e Bélgica antes de voltar para sua cidade natal, Rio de Janeiro. 
Mariana Varzea
Diretora
Inspirações Ilimitadas
Mediadora

Antonia Ferreira
Diretora Presidente
Museu de Favela

Bibliotecária pela Unirio e pós-graduada em Administração Pública pela Fundação Escola de Serviço Público do Rio de Janeiro(FESP/RJ), Maranhense, mora no morro do Pavãozinho desde 1975. Aposentada da Secretaria de Estado de Trabalho e Renda (SETRAB), onde foi Datilógrafa e Assessora de Gabinete. Na Associação de Moradores do Pavão-Pavãozinho foi secretária, vice-presidente e presidente. Atuou como voluntária na função de recepcionista, atendente de farmácia e auxílio aos médicos no Ambulatório Médico da Capela da Anunciação. Participou de vários cursos na Ação Comunitária do Brasil e seminários com temas comunitários. Participou do Conselho Comunitário do Projeto – CCOMP, do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC-Rio na comunidade de Pavão-Pavãozinho e Cantagalo, na qualidade de liderança comunitária do Pavão-Pavãozinho. Atualmente é voluntária da Pastoral da Catequese da Capela da Anunciação, com função de Coordenadora e responsável pelo administrativo. Como Artesã foi idealizadora e responsável pelo Grupo de Artesãos de Pavão-Pavãozinho. É membro da Rede de Mulheres Empreendedoras de Pavão-Pavãozinho e integrante do Circuito Carioca de Feira da Economia Solidária. No Museu de Favela é sócio-fundadora e membro do Colegiado, respondendo pelo cargo de Presidente, pela Curadoria Educacional e pela Lojinha REDEMUF.
Julianna Guimarães
Diretora de Marketing e Novos Projetos
Museu do Amanhã

Julianna Guimarães é Diretora de Marketing e Novos Projetos do IDG, instituição responsável pela gestão do Museu do Amanhã, Paço do Frevo e Fundo da Mata Atlântica. Atua como head de comunicação e marketing dos projetos e gerencia o desenvolvimento de novos projetos do Instituto entre os quais, recentemente, Cais do Valongo e Memorial do Holocausto.

Com mais de 20 anos de experiência nas áreas cultural, ambiental e educacional trás em sua trajetória a atuação com Captação de Recursos e Comunicação nos projetos Museu da Língua Portuguesa, Museu do Futebol, Casa da Cultura de Paraty, Paço do Frevo, Telecurso, Canal Futura, Aprendiz Legal, Prêmio Jovem Cientista, Museu da Imagem e do Som, Florestabilidade, Cultivando Água Boa, entre outros, todos projetos sociais de grande impacto e relevância junto à sociedade brasileira.
Renata Bittencourt
Diretora Executiva do Instituto Inhotim

É gestora cultural, atualmente atua como Diretora Executiva do Instituto Inhotim. É historiadora da arte tendo desenvolvido pesquisas de mestrado e doutorado na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Atuou no Itaú Cultural, na Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, como Secretária na Secretaria da Cidadania e da Diversidade do Ministério da Cultura (MinC) e também como Diretora de Processos Museais no Instituto Brasileiro de Museus (Ibram - MinC). Foi contemplada pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA) e pela Fulbright.
Lucimara Letelier
Diretora e Fundadora
Museu Vivo
Mediadora

Roberta Sunfeld
Diretora Executiva
Museu Judaico de São Paulo


Bacharel e Licenciada pela PUC-SP em História. Pós-graduada em Curadoria de Arte Contemporânea pelo SENAC em 2014. Inscrita no MBA de Gestão de Museus, da Universidade Candido Mendes. Sócia fundadora do Gabinete Cultural Sundfeld, que desde 1997 trabalha com memória empresarial. Diretora Executiva do Museu Judaico de São Paulo auxiliou o júri no projeto arquitetônico, na escolha dos projetos de museologia, de museografia, do educativo e comunicação. Em 2015 trabalhou na fusão do Arquivo Histórico Judaico Brasileiro com o Museu, formando o Centro de Memória do Museu Judaico. Núcleo que continua sob sua gestão, juntamente com a curadoria do Museu. Curadora da Exposição “As Meninas do Quarto 28”, 2014 a 2016. Em 2015 foi curadora da exposição “Rastros”, do fotógrafo Roberto Frankenberg no MIS e em 2018 fez a curadoria das exposições “Você conhece o Bom Retiro?”, “Húngaros no Brasil”, “Beth-El: de Sinagoga a Museu” e “Um passeio pela Infância”. Em 2019 fez a curadoria da exposição “Brasileiros em Israel”. Foi uma das organizadoras do Seminário Internacional EVA MINERVA que discutiu o uso da tecnologia em Museus, em 2019.
Marcelo Iniarra
Diretor
Marcelo Iniarra Consultoria


Marcelo Iniarra Iraegui - 30 anos de experiência. Profissional sênior de inovação, mobilização pública e captação de recursos. Lidera a consultoria internacional -www.marceloiniarra.com – com estratégias para organizações (mais de 100) em todo o mundo, que ajudaram a mobilizar pessoas e milhões de dólares. Trabalhou com Unicef, Anistia Internacional, Médicos Sem Fronteiras, WWF, Greenpeace Internacional, UNHCR, Save the Children, Aldeias Infantis SOS, Habitat for Humanity, ActionAid e OPAS - Organização Pan-Americana da Saúde - entre outros. Foi gerente de captação de recursos e inovação do Greenpeace International, como pioneiro internacional de arrecadação de fundos e campanhas on-line, liderando o design e a implementação do ciberativismo em captação de recursos.
Tatiana Leite
Cofundadora e diretora
Benfeitoria


Tati Leite, 36, é administradora. Trabalhou 7 anos na Coca-Cola, de onde saiu para se tornar empreendedora social - ou hacker cultural, como gosta de dizer. É cofundadora da Benfeitoria, a primeira plataforma de financiamento coletivo do mundo a trabalhar com comissão livre - e a primeira do Brasil a trabalhar com editais via Matchfunding. Desde então, além de empreender inovações no crowdfunding, lançou outros experimentos emblemáticos da Nova Economia, como a plataforma Rio+ e o Festival Reboot. Atualmente está à frente do Matchfunding BNDES+, o maior da história e o primeiro do setor público no Brasil, coidealizado com SITAWI e Museu Vivo.  
Tomás de Lara
Co-fundador e colíder
Cidades+B/ColaborAmerica

Co-fundador e colíder do Cidades+B, co-fundador e co-chair do Colaboramerica (1º Festival de Novas Economias da América Latina), conselheiro do Sistema B Brasil e do CEBDS (Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável), co-fundador da Goma (ecossistema empreendedor e espaço colaborativo), tecelão de redes e organizações, e professor em cursos de inovação econômica no Brasil e outros países, Tomás é administrador de empresas, com master em comunicação digital, especialista em economia colaborativa e sustentável. Já atuou como conselheiro do Instituto Coca-Cola Brasil. Seu trabalho tem foco na criação e impulso de novas organizações que fomentam uma economia centrada no desenvolvimento humano e integrada a natureza.
mentores &
facilitadores
Barbara Castro
Cofundadora e líder
Estúdio Ambos


Barbara Castro atua nos campos de artes, design, visualização de dados e programação criativa como artista, curadora e professora. É co-fundadora e líder do estúdio Ambos que realiza exposições e design de interação para projetos culturais e educativos. É Doutora em Artes Visuais na Escola de Belas Artes da UFRJ, em que defendeu também o seu mestrado em 2013 em parceria com o Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). Desde 2018, Barbara Castro é professora do Departamento de Artes & Design da PUC-Rio. Além disso, atuou como designer de visualização de dados do Laboratório de Visualidade e Visualização da UFRJ para o Banco Interamericano de Desenvolvimento. Na Escola de Belas Artes também mantém colaboração com o Núcleo de Arte e Novos Organismos. Sua pesquisa já foi apresentada na França, Dinamarca, Colômbia e citada em eventos como ‘SiggraphAsia’. Entre os projetos profissionais, destaca a exposição Existência Numérica sobre visualização de dados no Oi Futuro em 2018.
Marcela Sabino
Diretora do Laboratório de Atividades Museu do Amanhã

Marcela Sabino é Diretora do Laboratório de Atividades do Museu do Amanhã. Ela é especialista em inovação e estuda o impacto de tecnologias exponenciais como inteligência artificial, fabricação digital, robótica, biohacking, big data, e a internet das coisas na sociedade. Formada em Políticas Públicas e Administração pela Universidade de Harvard (EUA), Marcela atua principalmente criando estratégias e soluções para problemas complexos a partir de tecnologias emergentes com foco em desenvolvimento social em organizações como o Banco Mundial, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), ONU e grandes empresas internacionais.
Tathiana Lopes
Fundadora e Diretora Criativa
Cardápio de Ideias Comunicação e Eventos


Fundadora e Diretora Criativa da Cardápio de Ideias Comunicação e Eventos, começou sua carreira como empreendedora e gestora cultural há 20 anos. Atua na criação, curadoria, gestão e consultoria de projetos com foco em inovação, tecnologia, arte, educação e economia criativa.

É idealizadora e curadora do PING Festival de Cultura, Arte e Educação, Fundadora e Diretora do Festival Novas Frequências. Foi Diretora do Festival Mais Performance, responsável pela Elaboração e Produção do Shakespeare Lives e Shakespeare House para o British Council, em parceria com o artista plástico Vik Muniz criou o Projeto Paisagem para Rio+20, desenvolveu e produziu o Cine Daros no Pátio, além dos eventos de abertura da Casa Daros - Museu Latino Americano.

É consultora e gestora dos projetos realizados pelo Instituto Serrapilheira para fomento de Pesquisa e Divulgação Científica, Consultora e Mentora do Rio de Encontros 10 Anos. 
Gleyce Kelly Heitor
Coordenadora de ensino EAV Parque Lage
Educadora e pesquisadora.


Graduada em História (UFPE), mestre em Museologia e Patrimônio(Unirio-Mast). Tem experiência com mediação cultural, educação e programas públicos em museus e instituições de arte. É coordenadora de ensino na EAV Parque Lage. Foi professora substituta do Bacharelado em Museologia da UFG (2017 – 2018). Foi coordenadora pedagógica do Programa CCBB Educativo Arte e Educação - 2018, realizado pelo JA.CA Centro de Arte e Tecnologia, onde atuou na elaboração do programa pedagógico e implementação, formação e acompanhamento das equipes de educação (RJ, SP, DF e BH). Integrou a equipe de implementação da Escola do Olhar - MAR, onde foi assessora e coordenadora pedagógica (2012-2017). Realizou estágio na Diretoria de Mediação e Programação Cultural do Museu do Louvre (2016), com bolsa do Programa IBRAM - Escola do Louvre. Pesquisa as relações entre museus, arte contemporânea e educação; as interfaces entre museologia e pensamento social brasileiro e as relações entre museus e movimentos sociais.
Daniel Morena
Fundador e Diretor de Tecnologia
32Bits


Daniel Morena é fundador e Diretor de Tecnologia da 32Bits, onde, há 15 anos, lidera o desenvolvimento e a criação dos mais de 300 projetos e instalações interativas feitas pelo estúdio no Brasil e no exterior, em colaboração com diversos curadores e designers. Entre seus projetos estão o “Beco das Palavras”, no Museu da Língua Portuguesa, "Livro-Obra" versão digital da obra de Lygia Clark, e os interativos da exposição principal do Museu do Amanhã, que incluem a IRIS, sua assistente digital, e a instalação IRIS+ que a integra com a inteligência artificial da IBM, o Watson.
Luis Henrique Mauch
Fundador e Diretor
Mais Diferenças e Ktalise Tecnologias


Administrador de Empresas, Especialista em Acessibilidade e Tecnologias Assistivas pela FELUMA - MG. É fundador da associação Mais Diferenças e Ktalise Tecnologias, com 15 anos de atuação junto a inclusão de pessoas com deficiência, tendo se especializado principalmente para o mercado de educação e cultura. Possui experiência em projetos de acessibilidade e inclusão para empresas, governos e organismos internacionais. Introduziu no Brasil uma séria de aplicativos para inclusão como Whatscine, GoAll, Acheck, Musea. Conferencista nacional e internacional, é consultor para as Américas da UIT – União Internacional de Telecomunicações.
Larissa Novais
Consultora de crowdfunding
Benfeitoria


Formada em Comunicação & Produção Cultural, Larissa Novais atua com tecnologia e financiamento coletivo há 05 anos na plataforma mais completa do Brasil, a Benfeitoria. Ao longo desses anos, colecionou uma grande experiência com gestão de comunidade, captação de projetos com recorde de arrecadação e palestras sobre crowdfunding pelo Brasil.
Daniel Pan
Líder do Laboratório de Inovação da Casa Firjan

Graduado em Design de Produto pela UFRJ, com 15 anos de experiência profissional nas principais agências de design do Rio de Janeiro, hoje é especialista de conteúdo na Casa Firjan. Através do design thinking desenvolve projetos, ferramentas, metodologias de pesquisa, diagnóstico e oficinas de co-criação. Busca a objetividade e a viabilidade em iniciativas e projetos nas áreas de: design de serviço, design, branding e comunicação. Com o histórico de clientes como Globo, Oi, Metrô Rio, O Globo, Diageo, Vale, Ipiranga, Rio2016, Beleza Natural, Body Tech, Reserva, Sonangol e Rio Galeão. Acumula prêmios expressivos na área de design: um IF Design Award em 2004, um Prêmio POPAI em 2007 e três prêmios IDEA (2009, 2010 e 2014).
Rafael Andreoni
Cofundador, Produtor executivo e Diretor de conteúdo
Cadenza Filmes


Rafael Andreoni é economista e mestre em economia política internacional pela UFRJ, e formado em roteiro pela AIC. Empreendedor em ecossistemas de inovação desde 2013, é cofundador da produtora Cadenza Filmes. Co-dirigiu e produziu o documentário curta-metragem Sitiê (2013) para o canal Crackle, da Sony; e trabalha com produção executiva, roteiro e direção de projetos audiovisuais de múltipos formatos, com filmes para ONGS’s como Anistia Internacional, WWF, NossasCidades; marcas inovadoras como Benfeitoria, ColaborAmerica e Clube Orgânico; além de empresas tradicionais como Shell, Brookfield e Loreal.
Silvana Bahia
Diretora Olabi

Silvana Bahia é diretora de projetos do Olabi, organização social com foco em inovação social, tecnologia e diversidade, por onde coordena a Pretalab e outras iniciativas. Pesquisadora do Grupo de Pesquisa em Políticas e Economia da Informação e da Comunicação do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro, mestre em Cultura e Territorialidades pela Universidade Federal Fluminense. Foi facilitadora da Maratona Rodada Hacker - oficinas de empoderamento feminino em novas tecnologias, co-coordenou o plano de comunicação do filme KBELA e é colaboradora da plataforma Afroflix. Recebeu o prêmio Destaques da Cultura Digital: Inovação Social e Tecnologia, concedido pelo Centro Cultural Banco do Brasil e Programa Avançado de Cultura Contemporânea da UFRJ de 2017.
Nicolle Stad
CEO & Fundadora INTI

A INTI é uma plataforma tecnológica white label all-in-one, que oferece serviços de gestão de venda de ingressos, season tickets, assinaturas, programas de sócios e doações. Oferece módulos de Customer Relationship Management (CRM) e Business Intelligence (BI) para os clientes que desejam realizar venda e gestão do negócio sem o uso de um intermediário, mantendo a identidade visual e único ambiente em todo o ciclo de compra.

Fundada em 2015 com foco nos mercados cultural e social, a empresa acabou diversificando seu portfólio, e hoje atende a teatros, casas de show e espetáculos, arenas esportivas, instituições culturais e filantrópicas brasileiras. As vendas podem ser realizadas através de canais online e totens de autoatendimento.
Luis Marcelo Mendes
Consultor Independente
Cultivia


parceiros
Oi Futuro
O Oi Futuro, instituto de inovação e criatividade da Oi, promove ações de educação, cultura, inovação social e esporte para melhorar a vida das pessoas e transformar a sociedade. O instituto impulsiona iniciativas colaborativas e inovadoras, fomenta experimentações e estimula conexões que potencializam o desenvolvimento pessoal e coletivo. 
Museu das Telecomunicações
Com 12 anos de história, o Museu das Telecomunicações já nasceu inovador, sendo pioneiro no uso de interatividade e tecnologia integradas à museologia no país. O museu fica dentro do Oi Futuro, no bairro do Flamengo, no Rio de Janeiro, e recebe cerca de 19 mil visitantes por ano. Com entrada gratuita, o espaço reúne passado, presente e futuro de forma arrojada em um mesmo ambiente e leva o visitante a uma viagem pela história da comunicação humana no Brasil e no mundo.
SECEC e a Superintendência de Museus
A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (SECEC-RJ) tem por finalidade formular, supervisionar e executar a política estadual para a área cultural e de economia criativa, em articulação direta com a sociedade e demais órgãos públicos e privados envolvidos. A Superintendência de Museus, órgão integrante da SECEC, é a instância responsável pela preservação do patrimônio e da memória. Por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, empresas contribuintes de ICMS do estado do Rio de Janeiro podem patrocinar projetos culturais utilizando o benefício fiscal concedido pelo estado, inclusive no setor museal.
Casa Firjan
Inaugurada em agosto de 2018, a Casa Firjan é um hub de inovação dedicado a criar propostas e soluções para os desafios da nova economia em uma sociedade em constante transformação. Aberta à visitação gratuita, integra uma programação diversa que contempla debates, oficinas, palestras, cursos, atividades educativas e culturais.
Composta por um bem histórico minuciosamente restaurado que se une a um novo projeto arquitetônico contemporâneo premiado pela sustentabilidade, cumpre um papel relevante para o desenvolvimento do estado do Rio.
ficha técnica
Idealização e Realização
Inspirações Ilimitadas
Museu Vivo

Curadoria
Mariana Varzea
Lucimara Letelier

Assistência de Curadoria
Leticia Fernandes

Laboratório de Inovação
Conceito, metodologia & facilitação

Marcelo Iniarra

Direção Executiva,
Coordenação de Comunicação
Coordenação do Edital,
Laboratório e Mentorias

Mariana Varzea
Lucimara Letelier

Produção

Trítono Produções
Gabriela Weeks - Produtora Executiva
Tatiana Belli - Produtora
Nuvem Criativa
Daniela Brayner - Produtora Executiva
Sabrina Brayner - Produtora
Prisicila Mealli - Produtora
Elisa Brasil - Coordenadora de Palestrantes
Bruna Maciel - Produtora Redes Sociais
Apoio ao Seminário: Polyana Albergaria

Assistência de Curadoria
Leticia Fernandes
Polyana Albergaria

Identidade Visual e Website
RASTRO

Assessoria de Imprensa
M Niemeyer

Produção de Vídeos
Cadenza Filmes
Rastro

Ebook
Edilaine Guerreiro - Gestão de Conteúdo
Nancy Torres - Designer
Cynthia Azevedo – Revisão Editorial

Gestão Recursos Incentivados
Clarice Magalhães

Assessoria Jurídica
Gavinho&Campos Advogados Associados
Patrocínio
Oi
Governo do Estado do Rio de Janeiro
Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa
Lei Estadual de Incentivo à Cultura

Correalização
Oi Futuro

Parceria
Casa Firjan

Apoio Institucional
ABGC – Associação Brasileira de Gestão Cultural
IBRAM – Instituto Brasileiro de Museus
ICOM Brasil – Comitê Brasileiro do ICOM

Apoio Internacional
Consulado dos Países Baixos

Rede Mentorias
​32 Bits
ActionAid
Ambos
Benfeitoria
Cadenza Filmes
Cardápio de Ideias
Cultivia
FabLab Casa Firjan
Inspirações Ilimitadas
Instituto Ekloos
Instituto Hub
INTI
LAA - Laboratório de Atividades do Amanhã
Marcelo Iniarra Consultoria
Mais Diferenças
Museu Vivo
Nossas.org
Oi Futuro – Museu das Telecomunicações
Olabi

EDITAL

Faça parte de um programa de formação inovador em Museus e Centros Culturais. Cultive novas ideias e crie soluções compartilhadas em cultura digital que irão transformar o mundo dos museus.

Inscrições encerradas!
saiba mais